Início Rondonia Tristeza: Rondoniense perde cinco familiares para a Covid-19

Tristeza: Rondoniense perde cinco familiares para a Covid-19

Jovem perde cinco familiares para a Covid-19 em RO: 'É muito ruim continuar no mundo sozinha
Jovem perde cinco familiares para a Covid-19 em RO: 'É muito ruim continuar no mundo sozinha

Muita dor acompanhada de solidão, esses são os sentimentos de Taiara Aguilera, de 27 anos, que vive momentos de profunda tristeza desde que perdeu 5 familiares (incluindo mãe e irmão) para Covid-19 em Porto Velho.

Ela disse: “Perdemos o sentido da vida. É muito ruim simplesmente continuar a viver no mundo.” Até março de 2021, em Rondônia, o choro de Taiara se juntou a mais de 4.000 famílias que perderam a vida por causa do Covid-19.

De Taiara para Covid, seu avô, mãe, irmão, tio e padrasto foram levados embora. “Só vivo um dia de cada vez. Tem uns dias que não quero me levantar, e outros dias que posso aceitar melhor. Ainda não entendo, mas aceito aos poucos e procuro por ele e digamos, o poder dos meus dois irmãos (um de 13 anos, outro de 9 anos) está no comando de minha filha e de mim. Agora somos apenas nós “.

O avô de Taiara, André Antônio de Souza, 75, morreu em julho de 2020, e sua mãe, Maria Eunice Aguilera, faleceu em agosto do ano passado. Em fevereiro deste ano, o irmão de Taiara, Guilherme Henrique de Souza Colares, 23, não resistiu e morreu devido a complicações.

Em março deste ano, perdeu o tio Andrevaldo Aguilera de Souza, de 52 anos, e no mesmo mês perdeu o padrasto de 44 anos, Evangivaldo Colares Assunção. “Sempre fomos uma família muito unida, muito mesmo. Sinto falta de tudo, de nossa união, de toda a minha família”, disse a jovem.

Como não existiam leitos de UTI em Rondônia para atendimento aos pacientes da Covid-19, o irmão de Taiara, Guilherme Colares, foi transferido para Curitiba (PR). No entanto, ele não resistiu.

Vítimas fatais em Rondônia sobem a cada dia

De acordo com informações dos editais diários da Agência Estadual de Vigilância Sanitária (Agevisa) e da Ministra da Saúde (Sesau), nesta quarta-feira, Rondônia morreu de Covid-19 e 58 pessoas morreram.

Desde o início da pandemia, o estado acrescentou 4.143 vítimas mortais da doença. Nas últimas 24 horas, o estado também realizou 1.860 novos testes positivos para o coronavírus. Junto com os casos confirmados, 187.270 rondonienses foram infectados desde março do ano passado. Entre os casos ativos, foram 18.520.

O Brasil atingiu o pior dia da pandemia. Nas últimas 24 horas, Covid registrou 3.950 mortes. Nesta quarta-feira (31) morreram 321.886 pessoas. Como resultado, o número total de mortes em março foi de 66.868.

Fonte: Mixrondonia.com com informações do G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui