domingo, agosto 7, 2022
HomeBrasilA partir desta quinta-feira (01) Previdência Social deve exigir prova de vida

A partir desta quinta-feira (01) Previdência Social deve exigir prova de vida

Funcionários aposentados do Poder Executivo e pensionistas pagos pela Previdência Social devem refazer a prova de vida a partir de hoje (1º) para evitar cortes de pagamentos. A cirurgia está suspensa desde março de 2020 devido à epidemia de covid-19, mas deve ser concluída até 30 de setembro na maioria dos pacientes.

A anistia política civil também está coberta pela exigência. O calendário será redimensionado com base no mês em que você nasceu. Os nascidos entre janeiro e julho têm até 30 de setembro para fazer a prova de vida 2020 e 2021. De acordo com o calendário abaixo, os nascidos nos meses seguintes seguem um calendário diferente para cada ano de prova.

A partir desta quinta-feira (01) Previdência Social deve exigir prova de vida
A partir desta quinta-feira (01) Previdência Social deve exigir prova de vida

Na agência bancária onde o funcionário inativo, aposentado ou anistiado político recebe o pagamento, é exigida a prova de vida. Canais digitais, como caixas eletrônicos e aplicativos móveis, estão disponíveis em várias instituições financeiras. Os cidadãos devem verificar com seu banco quais opções estão disponíveis.

Se você possui biometria cadastrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ou no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), pode usar o app Meu Gov.br para realizar o procedimento em seu telefone. No aplicativo SouGov.br, você encontra as orientações para a prova digital de vida.

A Portaria 244 e a Instrução Normativa 45 regem as instâncias especiais, como beneficiários em estabelecimentos de saúde ou encarcerados, bem como as visitas técnicas para pessoas que não podem viajar.

Quem não tiver comprovado a vida até o final do mês será avisado até o dia 10 de agosto e terá 30 dias para fazê-lo. No entanto, o Ministério da Economia afirma que, na maioria das circunstâncias, o prazo final é 30 de setembro. Uma vez por ano, no mês do aniversário, o tratamento deve ser realizado.

O comprovante de vida também é válido para os beneficiários que tiveram seus pagamentos suspensos ou reduzidos e solicitaram a reintegração do benefício no Sigepe, sistema de cadastro do governo federal. Os termos e condições são iguais para beneficiários inativos e ativos.

O Portal do servidor pode fornecer informações adicionais.

 

Fonte: Mixrondonia.com

RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

catorze − dez =

Most Popular