Notícias

Governo prorroga prazo para declaração de rebanhos em Rondônia

Publicidade

O prazo para declaração de rebanho ao serviço de fiscalização e vigilância sanitária animal a cargo da Agência Estadual de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril foi prorrogado até 18 de junho devido à necessidade de adoção de medidas de proteção contra covid-19 e proteção à saúde de servidores rurais produtores e pecuaristas em Rondônia (Idaron).

Segundo Júlio Cesar Rocha Peres, presidente da Agência, o objetivo da medida, orientada pelo governador Marcos Rocha, é melhorar e facilitar o trabalho de todos na transferência de informações sobre suas propriedades para o Idaron, ampliando uma medida de apoio aos pecuaristas, diante da baixa adesão, para melhorar e facilitar o trabalho de todos na transferência de informações sobre sua propriedade para o Idaron, ampliando uma medida de apoio aos pecuaristas, dada a baixa adesão (TI).

Com isso, explicou, além de poder apresentar a declaração por meio da página do Idaron, o produtor também pode fazê-lo por diversos canais do WhatsApp em várias partes do estado, com toda a comodidade de não ter que sair de casa e sem o risco de contrair o coronavírus.

Publicidade

O produtor deve acessar a página da Agência e clicar no banner “declare seu rebanho”, acessar o formulário e preenchê-lo, conforme as normas do Idaron. O produtor é direcionado aos contatos de todas as regiões da Agência pelo mesmo gadget, após o qual identificará sua unidade regional em número e transmitirá seu comentário.

Ressalta-se que todos os animais da propriedade devem ser declarados – bovinos, búfalos, porcos, cabras, ovelhas, cavalos e pássaros – para garantir a veracidade das informações, que podem ser verificadas por meio de fiscalizações.

César afirmou ainda que todos os produtores devem apresentar sua declaração de acordo com as exigências da lei, sob o risco de serem considerados culpados e sofrer consequências legais.

O presidente do Idaron disse ainda que ninguém tem o direito de alegar desconhecimento desses requisitos legais, e que o ideal é que a declaração seja feita no site da Agência, nas unidades do Idaron em cada município, ou mesmo nas residências agrícolas. O formulário idêntico pode ser baixado, preenchido e enviado pelo WhatsApp do site.

Publicidade

Julio Cesar solicitou o comprometimento dos pecuaristas do estado com a campanha por meio da declaração do rebanho, lembrando que “esta ação atende ao desejo do governador Marcos Rocha, que visa limitar os perigos de expor servidores públicos e pecuaristas ao coronavírus”.

“Para que não haja pressa ou aglomeração nas unidades, o governo decidiu estender o prazo para que todos os criadores de animais possam apresentar a declaração à distância, por telefone ou pela internet ”, explicou.

Fonte: Mixrondonia com informações de Assessoria.

 

Publicidade

Relacionados