Brasil

Aberta consulta pela Receita ao quarto lote de restituição do IR 2021

A Receita Federal divulgou hoje (24), que estará disponível para consulta o quarto lote de devoluções do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) 2021, que inclui ressarcimentos de anos anteriores. Mais de 3,8 milhões de contribuintes receberão o crédito no dia 31 de agosto.

O valor total das devoluções neste lote é de R $ 5,1 bilhões. Desse total, R $ 273,2 milhões receberão contribuintes prioritários: 8.185 idosos com mais de 80 anos, 67.893 entre 60 e 79 anos, 6.088 com deficiência física ou mental ou doença grave e 26.647 contribuintes cuja principal fonte de renda é o magistério. Um total de 3.710.930 contribuintes não prioritários também foram protegidos se entregaram sua declaração até 16 de agosto.

O contribuinte deve acessar a página da Receita na internet para verificar se a declaração foi liberada. Você pode verificar a extração da declaração no serviço Portal e-CAC para ver se há alguma inconsistência de dados encontrada pelo processamento. Nessa situação, o contribuinte pode se autorregular após receber um extrato corretivo.

A Receita também possui um aplicativo para tablets e smartphones que permite verificar sua declaração de CPF e o status do cadastro. Ele permite que os usuários verifiquem diretamente as informações sobre lançamentos de reembolso nos bancos de dados do IRS.

Como fazer o resgate

O reembolso é pago diretamente na conta bancária indicada pelo contribuinte em sua declaração. Caso o crédito não seja realizado (por exemplo, se a conta for encerrada, os recursos ficarão disponíveis para resgate no Banco do Brasil por até um ano.

O cidadão pode reagendar o crédito dos valores em seu nome por meio do Portal do BB, que pode ser acessado no endereço www.bb.com.br/irpf, ou da Central de Relacionamento do BB no número 4004-0001 (capitais), 0800-729- 0001 (outros locais) e 0800-729-0088. (telefone especial apenas para deficientes auditivos).

Caso o contribuinte não resgate o valor de sua restituição no prazo de um ano, deve requerê-lo pelo Portal e-CAC, disponível no site da Receita Federal, acessando o menu Declarações e Demonstrativos – Meu Imposto de Renda e clicando em “Solicitar restituição não resgatada na rede bancária”.

Relacionados