Abastecimento de água tratada em Presidente Médici pode estar normalizado nesta segunda-feira

Confirmação não está na página da Caerd, mas moradores teriam afirmado que água chegou o suficiente para encher os reservatórios.

0
Presidente Médici, Região Central de Rondônia. Foto: Google Maps

Depois de alguns dias com os nervos à flor da pele por causa da insuficiência no fornecimento de água tratada pela Companhia de Águas e Esgotos de Rondônia (Caerd), os moradores de Presidente Médici (RO), distante em torno de 400 km de Porto Velho, poderão ter um início de semana melhor, do que foi o final de semana, que foi tenso!

É que uma bomba, responsável por levar a água bruta do rio até um reservatório onde é tratada, teria sido substituída por uma nova em folha e o abastecimento tende a ser normalizado até o meio da semana. Não há confirmação e nem divulgação oficial por parte da empresa. A desinformação continua…

Segundo apurou o Jornal Eletrônico Portal Central RO, os servidores da Caerd trabalharam quase que ininterruptamente desde o momento que os problemas no motor-bomba foi constatado. O problema é que mesmo com uma bomba velha, ultrapassada e quase sem condições, a Caerd não tinha uma reserva. E não tem ainda. O que temos é uma nova, que foi instalada no final de semana. Pelo menos, é isto que se apurou de informação, já que a companhia não atende a reportagem.

A população se queixa da falta de um feedback da empresa com os seus clientes. “Falta informação. Falta uma proximidade com a população através dos meios convencionais, como, sites e o rádio, que continua sendo um meio de comunicação e anúncios, primordial”, disse o gerente de uma loja na cidade.

Sem qualquer divulgação sobre normalização ou não, no abastecimento a população inicia a semana com água tratada, mas sem confiança na Caerd, que esta sim, continua alta, subindo e avante!onfirmação não está na página da Caerd, mas moradores teriam afirmado que água chegou o suficiente para encher os reservatórios.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here