Em Cacoal, Polícia Militar prende foragida do Estado do Acre que se intitula pertencer a facção PCC

0

Durante a noite desta sexta-feira, dia 19, no município de Cacoal/RO, a Guarnição de Rádio Patrulha composta pelo CB PM Claudiovik e SD PM J. Passos, realizava patrulhamento de rotina pelo bairro Teixeirão e ao chegar na Rua Argentino Gonçalves, observou três indivíduos desembarcando de um veículo Honda Civic, de cor preta, e indo em direção de uma residência frequentada por usuários de drogas. Os PM’s também notaram que um dos indivíduos empunhava um objeto semelhante a uma arma de fogo.

Ao ver a viatura se aproximando, os suspeitos retornaram ao veículo e fugiram do local em alta velocidade, deixando um suspeito a pé. Ele correu em direção a uma mata e desapareceu.

Neste momento, um casal saiu da casa e foi abordado. Ao checar o nome da mulher, identificada como Andressa Paulino de Souza, de 20 anos, os policiais constataram um Mandado de Prisão em seu desfavor, expedido pela comarca do município de Sena Madureira/AC, pelo crime de “Formação de Quadrilha”.

Andressa contou aos PM’s que pertencia a facção do Comando Vermelho, mas acabou migrando para a facção rival, PCC, ainda no Estado do Acre. Desde então, vive ameaçada de morte pelos membros do CV. Ela também confessou que na cidade de Ariquemes chegou a ser sequestrada e levada para ser morta e esquartejada, mas durante o trajeto, uma Guarnição da PM abordou o veículo e prendeu os criminosos armados.

No outro dia, Andressa fugiu para a cidade de Cacoal e acredita que os suspeitos que fugiram no veículo sejam pistoleiros à mando do CV.

COMENTÁRIOS PELO FACEBOOK


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here